sexta-feira, 4 de julho de 2014

Análise... Watch Dogs...

Another one bites DE_DUST...
Ok, ok... Todo mundo ficou impressionado quando viu aquele trailer da E3 de 2012... Você sabe qual... Aquele com gráficos excelentes... Da mesma forma que, todo mundo ficou decepcionado quando viu o trailer final, pouco mais de um ano depois...

Ok, o downgrade gráfico nos esmurrou a cara com força... Efeitos de sombra, nas imagens do dia eram praticamente inexistentes e, fora explosões e batidas em alta velocidade, a física dos carros parecia ter feita por três moleques mascando chiclé no jardim de infância.

Ok, ok... Todo mundo já entendeu isso... Mas já dizia o sábio que: "Gráficos não são tudo"

Eis que, há poucos dias, pus a mão na minha edição do game para PC e, empolgado, fui apreciar o jogo... Não havia erro... Minha decepção com os gráficos já havia passado, não havia o comprado em pré-venda, então, quando o comprei, já sabia de todas as críticas negativas... Inclusive da versão não otimizada, para os computadores... Como tinha pouca expectativa... Não tinha como me decepcionar... Certo? Certo?

Logo nos primeiros minutos de jogo, somos apresentados a Aidan Pearce, que prova não ser seu herói padrão enquanto esmurra um bandidinho qualquer por respostas. Ok, ótimo, ninguém mais aguenta aquele herói padrão, tão clichê que chega a dar nojo...

Junto de Aidan, conhecemos suas principais habilidades na fuga do estádio, durante o jogo, o que, aliás, rende um momento único, quando a energia é retomada depois do blecaute.

Ainda nos minutos iniciais, pouco antes do blecaute que falei acima, somos apresentados também à Jordi Chen, que até então é meu personagem favorito do jogo... Portador de um humor negro, diversas habilidades fundamentais para apoiar nosso herói em sua jornada, e nem sequer um resquício de caráter, Jordi é um alívio cômico na pesada história de vingança...

História aliás que tem se desenvolvido muito bem até então, tomando escala em um crescendo bastante interessante... Naturalmente que os clichês existem, como a irmã que se preocupa demais com o irmão mais velho... O vozeirão rouco do protagonista...

A trilha sonora mantém o clima do jogo funcionando, com diversas músicas eletrônicas... Para o meu gosto, não serve, mas entendo as escolhas...

O Watch Dogs que chegou às nossas casas não foi aquele da E3 de 2012, mas com certeza conta com belíssimos efeitos de luzes e sombras na noite de Chicago, chuva pesada, fumaça saindo dos bueiros, muitas pessoas e carros nas ruas.

Personagens que ocupam boa parte da tela, como na série Assassin's Creed, direção e dublagem cinematográficas também ajudam a garantir uma boa experiência visual...

No canto esquerdo superior, eu sendo desafiado por outro player...

As roupas e o character design em geral são muito bons... Na verdade a direção de arte tá de parabéns como um todo, a Chicago de Watch Dogs, mesmo "downgradeada", é muito bonita... Depois que sair um patch de estabilidade do framerate então... Só posso imaginar como vai ficar.

O que nos leva ao maior problema do jogo...

Você está bem belo, em uma corrida pela cidade, 1920x1080, gráficos em alta, e estáveis 30fps, 35 até... Quando de repente, começam quedas de 15, até 20fps do nada... Sem qualquer aviso, ou mesmo motivo aparente.

Lembro como foi o lançamento do Assassin's Creed 4 Black Flag, pela própria Ubisoft, há algum tempo atrás... Lembro dos lags insuportáveis e instabilidade constante... Lembro também da declaração daquele diretor (de qualquer coisa) da Ubisoft que disse que os gamers de PC que quisessem desempenho melhor, que comprassem peças melhores...

A questão é tão séria em Watch Dogs que não interessa se você tem uma placa integrada ou uma Titan, da Nvidia... Pedir otimização aqui não é capricho, é necessário para que o jogo não fique feito um PowerPoint, praticamente passando slides na tela...

Sim, sei de um mod que, supostamente, melhora absurdamente tanto os gráficos, quanto o framerate... Não, ele não melhora tanto assim, e ainda causa crashes constantes no jogo...

Watch Dogs não é esse diabo que todo mundo anda pintando... Também não é aquele GTA killer que todo mundo esperava... É um jogo bom, com um início de franquia meio turbulento pelo olho grande da própria Ubisoft...

Nenhum comentário:

Postar um comentário