quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Pikmin 3 - Primeiras Impressões


Em uma primeira olhada, Pikmin 3 não me chamou atenção, só mais um “joguinho infantil” e colorido da Nintendo, mas resolvi dar uma chance. 

Ainda bem que dei essa chance e estou iniciando a minha jornada.



Em Pikimin 3, seu planeta natal, Koppai, entra em colapso, o crescimento populacional ocasiona a falta de alimentos, os recursos do planeta ficam cada vez mais escassos. Então três astronautas tem a missão de se dirigir a um outro planeta encontrar alimentos.



É aí que você entra, os três astronautas, Alph, Brittany e Charlie, sofrem um acidente ao pousar e se separam. 

No controle de Alph, você tem que encontrar seus amigos, consertar a nave, procurar comida, tudo isso antes de escurecer.

Em um cenário muito bem trabalhado, com paisagens belíssimas, nos vemos como seres minúsculos perdidos em um jardim, encontramos umas espécies de criatura, os Pikmins, que se mostram muito prestativos e nos ajudam em nossa jornada.


Pikmin é um jogo de Estratégia em Tempo Real, temos que agir rápido, contra o tempo, pois ao anoitecer os predadores dos pikmins acordam e devoram os que não voltaram pra base a tempo. 


Da mesma forma que temos que encontrar novos caminhos, procurar pelos companheiros, arrumar a nave, ainda tempos que procurar por comida, pois o estoque é bem limitado.

Quando os astronautas se encontram podemos dividir as tarefas, separando os Pikmin em batalhões, cada um liderado por um dos astronautas.

Pelo pouco que joguei, vi que Pikmin 3 vai muito além do que aparenta, não pense que os tons coloridos e a temática infantilizada torna esse título um jogo voltado para crianças, pois ele mostrou ter uma dificuldade um tanto elevada, exigindo um raciocínio rápido e pensar bem nas escolhas que se faz.

É um jogo foge dos padrões que estamos acostumados, nos apresenta novos personagens e um mundo inteiramente novo pra explorar e sai da mesmice de jogos plataforma pro Nintendo U.


Joguei muito pouco, mas me apaixonei pelo que vi, já o considero um dos melhores títulos da Nintendo e me arrependo por não ter dado uma chance a franquia na geração passada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário