terça-feira, 21 de outubro de 2014

Vamos passear no Steam #1

Olá jovem leitor, espero que esteja bem e disposto fazer um passeio virtual por uma das mais bem queridas plataformas de jogos, o STEAM.



"Estamos sempre criando.
Quando você dá para pessoas inteligentes e talentosas a liberdade de criar, sem o medo de eventuais fracassos, coisas incríveis podem acontecer. Vemos isso todos os dias na Valve. De fato, algumas das nossas melhores idéias vêm de nossos maiores erros. E estamos bem com isso! Desde 1996, esta abordagem produziu jogos premiados, tecnologias de ponta e uma plataforma inovadora de entretenimento social. Estamos sempre à procura de pessoas que se assumam o risco que existe a partir da criatividade e que possam quebrar tabus e fazer o que há de melhor, CRIAR."







A plataforma tem uma longa data de existência e um lugar cativo, pra não dizer inalcançável nos pcs, existem outras opções? Existem, mas o catalogo e a forma de publicação e interação englobada com o Steam se tornou algo convencional e bem casado. A Origin já se deu ao luxo de vender títulos que são ativáveis no Steam, sendo assim qualquer tentativa de se tornar uma plataforma grande e reconhecida se tornam menores, tendo em vista que os títulos exclusivos no Origin são em sua maioria obras da EA games, algo que é bacana, mas não inteligente quando tratamos de mercado comercial de jogos.

Voltando ao nosso foco prioritário, vemos no Steam diversas opções, quando digo diversas, quero dizer que levamos um bom tempo pra explorar tudo o que a comunidade oferece em questão de gêneros e jogos datados, atualmente vários títulos antigos estão chegando ao Steam, isso é ruim? Não, nem um pouco, a nostalgia é sempre bem-vinda e disponibilizada como arquivo digital se torna uma honraria.


A partir do menu principal com software desktop do Steam temos maior controle sobre nossa conta e os jogos obtidos com ela, podemos comprar títulos, vender cartas ou objetos variados adquiridos ao permanecer por um tempo no título ou ao formar uma insígnia, como emoticons, papéis de paredes e itens variados. Indo mais além a plataforma permite que você presenteie seus amigos com jogos ou outros itens, essa integração da plataforma como uma mídia social de jogos acaba aproximando os usuários e tornando a experiência mais significativa.

Talvez você caro leitor, já tenha uma experiência vasta no Steam, mas existem usuários novos chegando dia após dia, isso torna cada palavra sobre a plataforma muito válida.

Com este artigo de opinião damos início ao "Vamos passear no Steam" uma série de dicas pra que você possa aproveitar melhor sua passagem e seu tempo nessa plataforma que nos proporciona tanto em termos de jogos, diversão e amizade virtual.

A primeira dica é, jamais adicione pessoas aleatoriamente, evite tornar sua rede de amigos no Steam uma lista de indivíduos totalmente desconhecidas que na maioria das vezes podem sequer partilhar dos mesmos títulos que você joga. Tenha sempre em mente que tirar o máximo de proveito da sua conta Steam requer uma visibilidade ampla sobre o que você insere nela diariamente.

Se você tem amigos em outras redes sociais e eles também tem contas no Steam, deixe eles saberem que você também faz parte da plataforma e o que você gosta de jogar, eventualmente sua lista de multiplayer e cooperativo podem aumentar de forma significativa e válida. Outra opção interessante é entrar no multiplayer de um título, ali você poderá conhecer várias outras pessoas, dependendo da recepção de outros usuários não exite em adicioná-los à sua lista, lembrando sempre de ser criterioso com quem fará parte da sua rede de amigos dentro da plataforma.

Aproveitando essa parte sobre a adição de amigos, um dos melhores meios de encontrar pessoas que jogam o mesmo título que você é, explorar a central da comunidade, fóruns, grupos relacionados e suporte, essas abas são disponibilizadas ao clicar sobre um jogo de sua biblioteca Steam, o número de conteúdo por jogo oferecido diariamente é gigantesco, sempre tem alguém dando uma dica de como resolver algum problema fora do jogo, no jogo ou simplesmente criando conteúdo para o título, como guias, dicas e detonados.


Espero que tenham gostado e nos acompanhem nessa caminhada através do Steam.

Na próxima semana vamos abordar sobre "Jogos gratuitos para jogar/ Free to play" porque existem tantos no Steam e quais os mais jogados e interessantes.

Se quiser saber mais sobre o Steam visite:

Caso queira me adicionar no Steam segue o link do meu perfil:


Nenhum comentário:

Postar um comentário